TV Fortaleza conta com novo software de redação

Funcionário da TV Fortaleza em treinamento com técnicos da SNEWS - Foto: Érika Fonseca

A TV Fortaleza iniciou nessa semana uma capacitação com todos os profissionais da emissora sobre o novo software que integrará o sistema de criação e produção da redação jornalística. O ANEWS oferece um sistema em rede para todos os jornalistas e técnicos da TV Fortaleza, promovendo um ambiente de trabalho integrado e automatizado.

off, créditos e pautas para edição das matéria (banco de daos com sistema de busca) pesquisa para organizar e otimizar o trabalho,

O ANEWS é um sistema de notícias, e nele será possível produzir pautas, reportagens e outros processos dentro da redação de televisão, explica Giselle Cintra, analista de treinamento da SNEWS, desenvolvedora do software. De acordo com ela, o software chegou para melhorar o dia-a-dia dos jornalistas e produtores de TV Fortaleza.

“Antes eles utilizavam o Word e precisavam escrever literalmente tudo, como retrancas, o nome das retrancas, mas agora o sistema já vem automatizado, não é necessário chegar e escrever o nome ‘retranca’ e depois o nome da retranca, já vai estar lá para o jornalista. Além disso, o software possui uma agenda compartilhada para que todos os usuários da redação possam fazer uma pesquisa específica, seja pelo nome do entrevistado ou pela profissão”, exemplificou Giselle.

O supervisor de implantação da SNEWS, Ruy Regis, explicou que pelo sistema anterior da redação, muito tempo era perdido na hora de procurar informações anteriores para tirar a dúvida ou procurar algo específico, mas agora pelo novo sistema é possível encontrar informações de maneira rápida.

“Quem fez as matérias da semana passada ainda pode se lembrar de algumas informações, mas do mês passado ou ano passado já é mais difícil, não vai lembrar do dia que foi a reportagem foi realizada ou de outros detalhes, por exemplo. O sistema agora tem toda uma busca e resgata o histórico”, afirmou

Uma das melhorias conquistadas com a aquisição do software, é que o repórter poderá escrever a matéria por meio de seu smartphone e ela será enviada diretamente a redação. “Mesmo na rua, ele vai conseguir terminar seu texto, enviar para a redação e o software já dá a ideia de quanto tempo vai ser a locução do repórter. Isso facilita tanto para o próprio jornalista que não precisa mais escrever em papel quanto para quem está finalizando o jornal do dia, porque vai ter noção de quanto tempo tem e quantas matérias ainda podem caber no jornal para ir ao ar”, destacou o diretor da TV Fortaleza, Demóstenes Batalha.

Também de acordo com o diretor da TV Fortaleza, além de sistematizar a produção jornalística da emissora, a produção dos diversos programas que existem na TV poderão aproveitar do novo software, “organizando melhor todo o processo jornalístico e de toda a programação”.